Skip to content

RICARDO RIBAS

Jornalismo feito por jornalista

Archive

Archive for fevereiro, 2017
Dauzelei Benetton, considerado o maior harleyro do mundo, fez a encomenda - Divulgação

Dauzelei Benetton, considerado o maior harleyro do mundo, fez a encomenda – Divulgação

 

O filme Easy Rider (Sem Destino, em português) é um clássico do cinema americano de 1969, escrito por Peter Fonda, Dennis Hooper e Terry Southern, produzido por Peter Fonda e dirigido por Dennis Hopper. Inspirado neste clássico e na Harley-Davidson guiada por Peter Fonda no filme, a oficina Celio Motorcycles, de Curitiba, criou uma réplica da motocicleta sob encomenda para um cliente. Na história, dois motociclistas viajam pelo sul e sudeste dos Estados Unidos com o objetivo de alcançar a liberdade pessoal. O filme ajudou a avivar a fase New Hollywood do cinema norte-americano durante a década de 1960.

 

A customização teve como base uma Harley-Davidson Fat Boy 1997. A motocicleta foi totalmente desmontada para a criação da Easy Rider. Houve alongamento do quadro da motocicleta, além de instalação de suspensão dianteira longa e tanque (importado) igual ao usado no filme. O restante das peças foram fabricadas de forma manual pelo artista customizador Celio Dobrucki. Guidão, paralamas, spots, escapamento, banco e vários outros detalhes conforme a moto Easy Rider. “Foi muito gratificante refazer uma moto que fez muito sucesso no mundo inteiro com os amantes do motociclismo. Isso dá ainda mais inspiração para fazer outros trabalhos nesse ramo”, comenta Celio Dobrucki.

 

Dauzelei Benetton - Reprodução/Diário Catarinense

Dauzelei Benetton – Reprodução/Diário Catarinense

A criação / customização foi feita em homenagem a dois ícones do movimento Harley-Davidson: Peter Fonda e Willie G. Davidson (neto do criador da HD). No tanque, o rosto de Peter Fonda e Willie G. Davidson. A moto foi uma encomenda especial de Dauzelei Benetton, considerado o maior harleyro do mundo por sua paixão por Harley-Davidson. Conheça o personagem clicando aqui (Crédito: Diário Catarinense). 

 

A Celio Motorcycles, de Celio Dobrucki, está localizada na Rua Felipe Camarão, 275, Rebouças, Curitiba/PR. Para mais informações: +55 (41) 3332-4865 ou www.celiomotorcycles.com.

Divulgação

Divulgação

 

Os painéis Novas políticas industriais para o setor e O veículo das próximas gerações, aliados com as palestras Utilização da tecnologia na mobilidade e O futuro da mobilidade urbana, além de 60 trabalhos técnicos, compõem a 25ª edição do SIMEA 2017 – Simpósio Internacional de Engenharia Automotiva, nos dias 12 e 13 de setembro, no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo. Maior simpósio técnico do setor automotivo nacional é realizado pela AEA – Associação Brasileira de Engenharia Automotiva.

 

Marcelo Massarani, da AEA - Divulgação

Marcelo Massarani, da AEA – Divulgação

O evento, que tradicionalmente recebe cerca de 1.200 executivos e profissionais da cadeia automotiva brasileira e internacional, nos dois dias, terá a coordenação do professor Marcelo Massarani, da Poli/USP e diretor de Academia da AEA. A vice-coordenadoria do simpósio está a cargo do engenheiro Gustavo Noronha, da Toyota do Brasil.

 

“Definimos por um tema bastante abrangente, com foco para os benefícios à sociedade, porque o produto autoveículo passa por momentos cruciais tanto do ponto de vista mercadológico como de aceitação por parte dos novos consumidores, enquanto a indústria automotiva procura incessantemente por soluções tecnológicas e contribuição efetiva na mobilidade urbana”, argumenta Massarani.

Grids sempre cheios no Interlagos Kart Challenge - Foto: Wellington Silva

Grids sempre cheios no Interlagos Kart Challenge – Foto: Wellington Silva

 

O desafio mensal entre kartistas no Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos (SP) começa a ficar tradicional. Por isto, a comunidade do esporte a motor está aderindo cada vez mais, e além de doações para a Associação Cruz Verde – instituição que cuida de pacientes com paralisia cerebral grave -, disputam três provas classificatórias, e a quarta bateria aponta o grande vencedor do Interlagos Kart Challenge. A quarta edição será realizada no dia 23 de fevereiro (quinta-feira), a partir das 21 horas.

 

O evento será constituído de três baterias, reunindo cerca de 25 pilotos em cada grid, e os cinco primeiros de cada corrida participarão gratuitamente da grande final, com o patrocínio da Alpie Competições. Além dos 15 pilotos, a quarta e última bateria receberá também os dois recordistas do mês de janeiros nos dois principais circuitos usados nas provas no Kartódromo de Interlagos. Um dos agraciados desta vez é José Ricardo de Oliveira, uma das referências do kartismo brasileiro.

 

Haverá tomada de tempos para a formação do grid de largada de cada competição. A primeira bateria acontecerá a partir das 21h e cada piloto será lastreado em 75 quilos de peso mínimo. A segunda bateria, às 21h30 terá o peso mínimo de 85 quilos e a terceira corrida, às 22h terá o lastro de 100 quilos. A prova decisiva, que terá largada às 23 horas terá o peso mínimo de 90 quilos para o piloto e será realizada em circuito diferente das baterias classificatórias.

 

Os pilotos poderão participar de quantas baterias desejarem, pagando a inscrição antecipada de R$ 90,00 por bateria, mais a taxa de R$ 50,00 para disputar apenas uma prova, ou mais R$ 25 por bateria adicional, para cobertura dos custos de troféus, além de uma lata de leite em pó para doação à Associação Cruz Verde. Os três primeiros colocados das baterias classificatórias e os seis da prova final receberão troféus e prêmios.

 

Disputas acirradas no Interlagos Kart Challenge - Foto: Wellington Silva

Disputas acirradas no Interlagos Kart Challenge – Foto: Wellington Silva

 

Na primeira edição do Interlagos Kart Challenge (IKC), realizada em outubro do ano passado, o vencedor foi Felipe Huertas, seguido de Rodrigo James Hunt, Zeppe Corsi, Anderson Mendes, Augusto Cezar Coutinho e Fábio Noronha. “Gostei muito da iniciativa. Quando venci tive o privilégio de ser sorteado com um kart que estava muito bom e procurei me concentrar e ser o mais regular possível”, comentou Huertas.

 

No 2º IKC a vitória ficou com Zeppe Corsi, a frente de Luciano Montanhez, Kleber Barcellos, Luiz Cazarré, Felipe Huertas e Fernando Teles. “Os eventos anteriores foram fantásticos, dos mais bem organizados que já participei, desde sorteio dos karts, pesagem dos pilotos, pódio, participação dos funcionários do kartódromo. Todos focados para a realização de um grande evento”, elogiou Corsi, vencedor da edição de novembro.

 

A última edição, realizada em dezembro de 2016, teve Augusto Cesar Coutinho como vencedor, deixando para trás respectivamente Viviane Gola, Rodrigo James Hunt, Witold Phellip e Alberto Cesar Otazú. “Entre todas as competições que participei até hoje, de longe foi a mais disputada e acirrada, com pilotos de alto nível, correndo de forma limpa. Sei que a sorte me ajudou no sorteio do equipamento para competir em alto nível. Este foi um evento beneficente, que sem dúvidas gerou um impacto positivo para a Cruz verde, e isso faz com que, por ter participado e contribuído com esta causa eu esteja um pouco mais em paz”, declarou o vencedor.

 

As inscrições para o 4º Interlagos Kart Challenge devem ser antecipadas, seguindo instruções no facebook do evento

Visita dos colaboradores da GMV na fábrica da Rinaldi - Divulgação

Visita dos colaboradores da GMV na fábrica da Rinaldi – Divulgação

 

A Rinaldi está em contato direto com os clientes de todo o Brasil. No Rio Grande do Sul, onde a fábrica nacional de pneus e câmaras de ar está situada, não poderia ser diferente. A equipe do departamento comercial realizou nas últimas semanas palestra técnica na Auto Peças Milani e visita na Total Distribuidora, em Porto Alegre (RS), além de receber os parceiros da distribuidora GMV nas instalações fabris de Bento Gonçalves, região da Serra Gaúcha.

 

“O contato com os clientes é muito importante, faz toda a diferença para o consumidor final”, explicou Sérgio De Paris, gerente comercial da Rinaldi. “Seja nas palestras técnicas ou nas visitas à fábrica, o objetivo é fornecer o máximo de informações e todo o suporte possível para a comercialização dos produtos – e ainda ouvir sugestões e opiniões. A fábrica sempre investiu no relacionamento com os clientes e temos muitas ações previstas para 2017”, continuou.

 

Na Auto Peças Milani, a palestra técnica foi aprovada. “Foi muito interessante. Abordou diversos assuntos importantes e de forma prática, como a composição e informações presentes dos pneus, além de dados de mercado, os quais a maioria das pessoas da nossa equipe de vendas não sabia”, comentou Laércio Boeni, gerente comercial da empresa. César Ferrari, gerente da GMV, esteve na visita à fábrica. “O nosso grupo era de 10 colaboradores da GMV. O pessoal gostou muito de conferir na prática o processo de fabricação dos pneus”, concluiu.

Divulgação

Divulgação

 

Em contribuição com as ações do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, cuja missão é proteger a vida, o patrimônio e o meio ambiente para o bem estar da sociedade, a Cummins Brasil promoveu por duas vezes no último trimestre do ano passado, o treinamento Familiarização, Operação e Manutenção de Motores Eletrônicos, com duração de quatro dias por curso.

 

O treinamento ministrado pela maior fabricante independente de motores Diesel ocorreu no Centro de Suprimentos e Manutenção de Material Operacional do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, localizado na capital e responsável por operacionalizar as manutenções mais complexas da frota composta hoje por 3 mil veículos, sendo que 1/3 deste total é de veículos pesados.

 

A Cummins ainda cedeu à corporação militar a utilização dos softwares INSITE e um dispositivo de comunicação Inline que, integrados, permitem o monitoramento e o diagnóstico de falhas por meio da leitura dos dados do módulo eletrônico dos motores Cummins. Outra ferramenta disponibilizada foi o Quick Service on Line, aplicativo na Internet, que permite consultar por meio do número de série do motor quais são as peças genuínas.

 

Com aulas teóricas e práticas, a Cummins atingiu um total de 22 profissionais entre mecânicos que atuam com a frota de todo o Estado, soldados, cabos e sargentos, ou seja, profissionais considerados multiplicadores de conteúdo. “Nesta metodologia da Cummins, o número de pessoas foi restrito de forma a garantir a qualidade do entendimento da temática ministrada”, diz Valter Silveira Rocha, responsável por ministrar o curso e Especialista de Treinamento Técnico da Cummins Brasil.

 

“Tivemos aderência ao treinamento, passamos valores de forma a acrescentar com o trabalho diário destes profissionais, com qualidade de informação técnica, contendo conceitos que vão contribuir em muito com o dia a dia destes profissionais. A receptividade foi muito boa e estamos muito felizes em contribuir com esta corporação que presta um serviço tão nobre à sociedade”, afirma Ricardo Schalch, gerente de Vendas de Motores Cummins Brasil.

 

O treinamento Familiarização, Operação e Manutenção de Motores Eletrônicos inclui conceitos de motor, filtragem, cuidados e importância da manutenção preventiva como troca de óleo, filtros, líquido de arrefecimento, entre muitos outros. “Foi uma grande experiência até em termos de atualização de conteúdo para esses profissionais, já que desde 2012, os motores passaram a ser eletrônicos. E ver essa frota em funcionamento, é termos a certeza de que estamos cooperando com o trabalho deles, salvando vidas”, comenta Rocha. Para este ano, a Cummins Brasil quer dar continuidade nos treinamentos ao Corpo de Bombeiros de outros estados, por meio de sua Rede de Distribuidores.

Otazú liderando a prova da categoria Elite no CCSKA - Foto: Emerson Santos

Otazú liderando a prova da categoria Elite no CCSKA – Foto: Emerson Santos

 

Alberto Cesar Otazú (Braspress/Pilotech/BraClean/Alpie) foi o grande vencedor da Seletiva Fórmula Vee, etapa de abertura do 5º Campeonato ClickSpeed de Kart Amador (CCSKA), disputada domingo (19) no Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos (SP). O campeão da prova recebeu no pódio a premiação das mãos do ex-piloto e construtor de Fórmula 1 Wilson Fittipaldi Junior, que inclui além do  troféu, a inscrição gratuita para a próxima rodada e um treino com um Naja Fórmula Vee 1.6 no Autódromo do ECPA, em Piracicaba (SP).

 

Wilsinho Fittipaldi apresentando o Fórmula Vee para Alberto Cesar Otazú - Foto: Emerson Santos

Wilsinho Fittipaldi apresentando o Fórmula Vee para Alberto Cesar Otazú – Foto: Emerson Santos

“Estou muito feliz. Vim com o objetivo de conquistar este treino, que poderá me abrir as portas do automobilismo. Por isto fui muito focado para conquistar a pole position, a volta mais rápida e abrir a maior distância possível na frente. Eu não queria apenas vencer, eu queria mostrar que realmente merecia este prêmio, eu precisava encantar o Wilsinho Fittipaldi, os organizadores da Fórmula Vee e os mecânicos”, comemorou o rapaz que acaba de completar 16 anos e já está habilitado pela Escola de Pilotagem Alpie para pilotar carros de competição. Alberto Cesar Otazú largou da pole position na categoria Elite, na frente de outros 26 competidores, com a marca de 1min07s559, liderou de ponta a ponta as 16 voltas e estabeleceu a volta mais rápida em 1min06s901.

 

A grande festa que reuniu o total de 70 pilotos no evento da ClickSpeed – a mesma empresa que organiza a Seletiva Brasileira para o Mundial de Kart Amador -, teve a categoria Graduados, com um grid de 20 pilotos e vitória de Kleberson Felix. E outra grande atração foi a Corrida das Princesas, com 23 pilotos. E quem encantou todos foi Fernanda Jardim, que também largou da pole position, fez o giro mais rápido e liderou da largada até a bandeirada, mostrando o seu DNA de filha do piloto de Fórmula Truck Adalberto Jardim. Com esta performance, ela também foi premiada com um treino de Fórmula Vee.

 

Fernanda Jardim também ganhou um treino de Fórmula Vee- Foto: Emerson Santos

Fernanda Jardim também ganhou um treino de Fórmula Vee- Foto: Emerson Santos

Promovida pela FPromo Racing no Brasil, a Fórmula Vee é a maior categoria monoposto do mundo e a de menor custo do automobilismo brasileiro. Possui campeonatos em mais de 14 países e é a categoria de entrada do automobilismo, depois do kart. Pilotos como Emerson Fittipaldi, Wilson Fittipaldi Junior, José Carlos Pace (Moco), e muitos outros já passaram pela categoria.

 

 

 

 

 

 

Confira os seis primeiros da categoria Elite:

1) ALBERTO OTAZÚ, 16 voltas em 18min57s595

2) MARCEL SOUZA, a 8s988

3) EVERTON CARAJELEASCOW, a 14s771

4) BRUNO VARELLA, a 15s324

5) LEONARDO BITTENCOURT, a 15s437

6) GUSTAVO ARIEL, a 15s748

 

Confira os seis primeiros da categoria Graduados:

1) KLEBERSON FELIX, 15 voltas em 18min00s218

2) JONATHAN, a 14s430

3) ALESSANDRO GRASSESCHI, a 15s086

4) GUSMÃO ANEL, a 16s784

5) ESTEVÃO VICAKAS, a 18s310

6) AUGUSTO CÉSAR COUTINHO, a 24s659

 

Fernanda venceu Corrida das Princesas de ponta a ponta- Foto: Emerson Santos

Fernanda venceu Corrida das Princesas de ponta a ponta- Foto: Emerson Santos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Confira as seis primeiros da Corrida das Princesas:

1) FERNANDA JARDIM, 15 voltas em 18min04s738

2) GABRIELA MESA, a 18s152

3) ERICKA FELIX, a 37s744

4) TALITA GASPAR, a 48s043

5) TAMAR RAAD, a 56s308

6) ELLEN LOPES, a 1min02s024

Fonte: Organização

Oliveira batalhou para terminar em segundo - Foto: Luiz Pinheiro

Oliveira batalhou para terminar em segundo – Foto: Luiz Pinheiro

 

Foi muito bom o retorno do jovem Thiago Lopez Oliveira (Oficina Box100/Oka Blindagens/Renato Russo Racing) depois de quase seis meses sem participar de qualquer competição. Durante a abertura da Copa São Paulo de Kart Granja Viana, disputada no último final de semana (18) no Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos, ele estreou na categoria Rotax Max e foi segundo colocado entre os estreantes (Rookie) e quarto na classificação Geral.

 

“Fiquei muito feliz em voltar a andar de kart. Na primeira volta que dei no primeiro treino livre fiquei gritando no capacete. Terminar a programação subindo duas vezes no pódio foi demais”, comemorou Thiaguinho, que recentemente completou 15 anos de idade.

 

Thiago Oliveira recebendo a premiação de Waltinho Travaglini - Foto Luiz Pinheiro

Thiago Oliveira recebendo a premiação de Waltinho Travaglini – Foto: Luiz Pinheiro

Os bons resultados no kartismo nos últimos anos foram importantes para que Thiago Oliveira fosse convidado a participar da categoria Rotax Max, com a colaboração de muitos parceiros, notadamente o chefe de equipe Renato Russo e o preparador Sérgio Moreno, que cederam tanto a mão de obra quanto o empréstimo de um kart usado. “Acredito que eles ficaram contentes com o meu resultado. Todo o esquema foi montado de última hora, mas conseguimos o pódio. Isso foi um impulso muito grande e mostra que se conseguirmos mais apoio, temos condição de ir mais pra frente”, constata Thiago Oliveira.

 

Nas duas baterias Thiago Oliveira foi o segundo colocado entre os estreantes da categoria e quinto na classificação geral. Na somatória de pontos, ele subiu para quarto na classificação e segundo na Rookie. “Agora vamos correr atrás de apoiadores, pois a segunda etapa vai ser dia 11 de março lá na Granja Viana. Temos uns 15 dias para viabilizar a minha participação e treinar. Quero continuar e me manter na briga pelo título da temporada”, avisa Thiago, que tem diversos títulos no kartismo.

Thiago Oliveira recebendo bandeirada - Divulgação

Thiago Oliveira recebendo bandeirada – Divulgação

 

Depois de quase seis meses sem participar de qualquer competição no kartismo, o jovem Thiago Lopez Oliveira (Oficina Box100/Oka Blindagens/Renato Russo Racing) participará neste sábado (18) da abertura da Copa São Paulo de Kart Granja Viana, que excepcionalmente será disputada no traçado de 1040 metros do Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos, na zona sul de São Paulo. O Kartódromo Granja Viana, em Cotia (SP) está passando por uma grande reforma e deve reabrir na próxima semana.

 

“Estou muito feliz em voltar a correr. Apesar de a oportunidade ter surgido no meio desta semana, já realizei alguns treinos e espero ter condições de brigar por um lugar no pódio nesta primeira etapa”, planeja o piloto que recentemente completou 15 anos de idade.

 

Thiago Oliveira em uma disputa em Interlagos no ano passado - Divulgação

Thiago Oliveira em uma disputa em Interlagos no ano passado – Divulgação

 

Os bons resultados no kartismo nos últimos anos foram importantes para que Thiago Oliveira fosse convidado a participar da categoria Rotax Max, com a colaboração de muitos parceiros, notadamente o chefe de equipe Renato Russo e o preparador Sérgio Moreno. “Eles que começaram a cavar o meu retorno à competição. O Russo com o reconhecimento e entusiasmo, me deu uma força tremenda e se comprometeu a colocar o equipamento na pista. O Moreno me deu outro empurrão ao emprestar um chassi completo, e ainda tivemos outra colaboração para usar um motor Rotax FR125 Max completo, inclusive com os itens de refrigeração”, explicou Thiaguinho.

 

“Toda esta ajuda e boa vontade de várias pessoas me deixam mais animado e comprometido em dar um retorno para todos estes amigos, através de muito esforço e foco para alcançar o melhor resultado possível. E sei que se eu conseguir um bom desempenho com todo este equipamento montado de última hora, outras portas podem se abrir para que eu dê continuidade no campeonato”, acredita o piloto.